quarta-feira, 27 de outubro de 2010

Refrescando a Memória - Dep. Luiz Bassuma foi expulso do PT. Motivo: Ser contra o Aborto.

Depois que o Partido dos Trabalhadores sofreu a investida de diversos grupos da sociedade por causa de seu posicionamento em favor da legalização do aborto, o partido decidiu fazer um récuo estratégico, tornando sua candidata a presidência, Dilma Rousseff, de agnóstica convicta à devota de Nossa Senhora Aparecida e pessoalmente contrária ao aborto - há não muito tempo ela também defendia o aborto, e dizia ser um crime o Brasil ainda não ter uma lei que legalizasse a prática (em 2007, também em 2009 e mesmo neste ano de 2010 fez afirmações neste sentido).
A coisa chegou a tal ponto que a presideciável fez questão de se reunir com "líderes" de diversos grupos evangélicos para assinar um acordo no qual se comprometia a não se envolver com qualquer projeto de lei que visasse a legalização deste crime hediondo. Obviamente, como já foi constatado em diversos meios de comunicação, o acordo não tem valor nenhum, já que trata a questão de modo vago e capcioso: a única coisa que fica clara é que a sra. Dilma Rousseff não pretende fazer o trabalho sujo de aprovar uma lei em favor do aborto, mas que caso o Congresso queira fazê-lo, terá todo direito e liberdade. Ou seja, a situação continua a mesma que existia antes de tal acordo.
E vale lembra que o presidente Lula, em ocasião muito parecida, no dia 8 de agosto de 2005, jurou pela fé que a mãe dele havia lhe dado, que nunca faria uma lei legalizando o aborto no Brasil. O que aconteceu? Em 2006 este mesmo Lula assinou um documento que pretendia legalizar a prática do aborto! Dá para confiar nas promessas do PT? Será que mesmo com o dito acordo assinado, a sra. Dilma Rousseff cumpriria sua promessa? Pelos antecedentes dados pelo presidente do qual ela diz ser a continuadora, temos matéria suficiente para não confiar.

A PUNIÇÃO DE LUIZ BASSUMA

Pensando em toda esta discussão sobre o aborto, lembrei-me do caso do deputado Luiz Bassuma, que foi punido em 2009 pelo PT por posicionar-se contra o aborto. O deputado foi punido com:
1) ficou proibido de participar de decisões na legenda e na Câmara, durante um ano;
2) o PT determinou que ele retirasse todos os projetos de lei contrários à descriminalização do aborto e o impediu de participar de comissões parlamentares;
3) não poderia votar nem ser votado nas eleições internas e, dificilmente, teria a legenda para disputar as eleições em 2010.
Com isto, o deputado rompeu com o Partido dos Trabalhadores e filiou-se ao Partido Verde.
O pedido de punição foi feito pelo Coletivo de Mulheres do PT, um dos grupos mais atuantes pela liberação do aborto dentro do partido. A líder do coletivo, após a medida tomada pelo PT, disse: "O partido não precisa deste tipo de machista!"

AGORA BASSUMA COBRA: O PT DEVE PUNIR DILMA!

Em entrevista para um programa de televisão da região nordestina, Bassuma disse:  “Sai do PT em 2009 depois de ser punido com um ano de suspensão por não concordar com a resolução que legalizava o aborto. Paguei caro por defender meus princípios e não me arrependo disso. Já a Dilma sempre foi a favor da legalização do aborto. Inclusive, ela era chefe da Casa Civil nas duas oportunidades em que o governo federal enviou projetos desta natureza ao Congresso. Agora, da noite para o dia, ela muda de opinião. Creio que Dilma deveria ser levada ao Conselho de Ética da mesma forma que eu fui”.
O questionamento é pertinente e revela duas coisas:
I) O PT sempre lutou em prol do aborto, tanto que foi capaz de punir um de seus membros por não aderir a esta "causa";
II) O PT muda de cara conforme a situação. Quando não era pressionado pela sociedade, o partido não só defendia o aborto como punia seus membros; agora que há forte reação contra o aborto, tanto não é favorável ao aborto como não vê motivos para punir Dilma Roussef.

O Partido dos Trabalhadores começa a se mostrar por inteiro e assim esclarece de quem verdadeiramente é filho: do pai da mentira, que é o demônio, como bem diz a Sagrada Escritura.

***

Notícias sobre a movimentação do PT pela legalização do aborto:
PT aprova Resolução Pró-Aborto: http://noticias.cancaonova.com/noticia.php?id=240531
Dilma defende descriminalização do aborto: http://matogrossomais.com.br/?p=9062
PT pune dois deputados por serem contra o aborto: http://noticias.cancaonova.com/noticia.php?id=274044




3 comentários:

Edson Carlos de Oliveira disse...

Muito bom artigo, parabéns.

Almas Castelos disse...

Parabens pelo ótimo Blog. Já está na Irmandade dos Blogs Católicos.
http://irmandadedosblogscatolicos.blogspot.com

Servum Mariae disse...

Parabéns pelo corajosa iniciativa de manter este blog.
Que Nossa Senhora os ajude para que ele venha a dar bons frutos!

Antonio Elias
Itu-SP